Reforma Política

Plebiscito Popular por uma Constituinte exclusiva e soberana do Sistema Político brasileiro!

Canal DCE

Veja os vídeos do DCE no youtube

Reforma Política

Plebiscito Popular por uma Constituinte exclusiva e soberana do Sistema Político brasileiro!

Canal DCE

Veja os vídeos do DCE no youtube

Reforma Política

Plebiscito Popular por uma Constituinte exclusiva e soberana do Sistema Político brasileiro!

'

Canal DCE

Veja os vídeos do DCE no youtube

sábado, 31 de julho de 2010

NOTA PÚBLICA DE REPÚDIO E DENÚNCIA


Dia 28 de junho às 13h o DCE da UFRN em conjunto com diversos movimentos sociais realizaram um ato público pelo limite de propriedade de terra e democratização do conhecimento. Iniciamos uma marcha do estando do DCE dentro da CIENTEC, seguimos até a reitoria, passamos no centro de convivência e encerramos na sede do DCE onde tivemos uma mesa de debate. Realizamos um ato pacifico com estudantes e movimentos sociais, em momento algum oferecemos qualquer tipo de ameaça a integridade das pessoas presentes ou do patrimônio público.

Porém, quando estávamos saindo do Centro de Convivência- fomos surpreendidos por policiais da ROCAM que soltaram uma bomba para coibir o movimento. Vimos a público repudiar e denunciar a ação de criminalização, repressão dos movimentos sociais. Não toleraremos posturas que venham a coibir o livre direito de expressão e de pressão para mudança da sociedade, e exigimos que a reitoria tome as devidas providências, uma vez que a UFRN não é jurisdição da polícia militar.

Queremos saber porque a ROCAM e a policia estadual está atuando dentro do campus? Qual é quais os motivos os levaram a soltar uma bomba dentro do campus? Despreparo? Qual a integridade que esses policias estão defendendo? E quais as providências que a reitoria irá tomar sobre o fato ocorrido?

Nosso DCE leva o nome de José Silton Pinheiro assassinado pela ditadura militar por lutar por uma sociedade livre da ditadura, por que sua luta não ter sido em vão, não aceitaremos a omissão nem a repressão. E esperamos que a integridade e o direito a livre expressão sejam garantidos dentro e fora dos muros da UFRN. Contra a criminalização dos movimentos sociais! Dessa Luta Não me Retiro.

DCE José Silton Pinheiro UFRN

sexta-feira, 30 de julho de 2010

DCE na SBPC - Feminismo e Negritude (Hoje)


Feminismo e Negritude 
Sexta-feira 30/07, das 15h às 18h
Oficina contra a legalização da prostituição
Local: Auditório do DCE, Setor I
Material de apoio baixe aqui

A Bicicletada Natal acontece todo último sábado do mês - 31 de Julho!

 
A Bicicletada é um movimento sócio-ambientalista cujo objetivo é conscientizar as pessoas a usarem transportes alternativos, saindo do ciclo venenoso do individualismo motorizado, para construirmos uma sociedade mais saudável e humana. Reivindicam um transporte realmente público e de qualidade, o respeito por parte dos motoristas para com os ciclistas, e das autoridades, através do investimento em ciclovias e sinalização adequada e investimento prioritário nos meios coletivos de transporte, sejam eles ônibus, trens de superfície ou quaisquer outros. Pedalar é preciso! Construindo um mundo sem cinzas!

Somar-se à Massa Crítica, acrescentando energia e alegria ao movimento, impulsionando os esforços para transformar a sociedade em uma comunidade de união, solidariedade e qualidade para todos!

É hoje! Confiram!

Plebiscito Popular pelo Limite da Terra - DCE UFRN NA LUTA

Links Importantes: 

Abaixo Assinado - Imprima e colete junto! 
Cartilha do Plebiscito Popular pelo Limite da Terra - Conheça e participe!
Abaixo Assinado virtual - Colabore! 

Democratização da terra e das universidades
DESSA LUTA NÃO ME RETIRO! 

    quarta-feira, 28 de julho de 2010

    DCE na SBPC - Ato Público: Primeiras Imagens

    PELA DEMOCRATIZAÇÃO DA TERRA E DO CONHECIMENTO











    segunda-feira, 26 de julho de 2010

    Panfleto do ato público relizado pelo DCE na SBPC - divulgue conosco

    Enviem por e-mail para o máximo de pessoas que puder e contribua com o Movimento Estudantil e com a transformação da realidade social de nossa cidade, estado e país.

    Cuca Natal na SBPC

    Cuca Natal fará intervenções artísticas durante o 2º Salão Nacional de Divulgação Científica


    O Centro Universitário de Cultura e Arte da UNE – Cuca Natal-RN – terá uma programação especial durante a 62ª Reunião Anual da SBPC, que acontecerá de 25 a 30 de julho de 2010. No Centro de Biociências da UFRN – CB, o Cuca montará sua estrutura em parceria com a Associação Nacional de Pós-Graduandos – ANPG, e estará promovendo intervenções artísticas no decorrer do 2º Salão Nacional de Divulgação Científica, resignificando o espaço do CB, com ações que pretendem provocar uma reflexão acerca da relação da ciência com a arte e a cultura.
    .
    Entre Mostras Científicas, Mesas Redondas e Conferências, indo além do seu espaço de concentração, os cuca-personagens estarão intervindo com arte o vai-e-vem nos corredores do circuito praça cívica - campus. Fomentando a participação de todos, qualquer pessoa terá acesso à cola, papel e tesoura para fazer a sua própria interferência artística em todo o espaço que engloba o evento.

    domingo, 25 de julho de 2010

    DCE e Movimentos Sociais - Programação na SBPC

    GRANDE ATO PÚBLICO PELA DEMOCRATIZAÇÃO DA TERRA E DO CONHECIMENTO


    Você sabia que em pleno século XXI, um em cada seis habitantes do planeta passa fome? E é na desigualdade social a grande responsável pela má distribuição de renda que gera fome no Brasil e no mundo.

    Uma das principais causas das desigualdades é a concentração fundiária. Enquanto muita terra está nas mãos de poucos, no Brasil existem mais de quatro milhões de famílias sem terra que buscam a terra para poder viver com dignidade.

    Umas das formas para combater a concentração fundiária é a limitação do tamanho da propriedade de terras. Por isso diversas entidades e organizações estão trabalhando na construção de um plebiscito popular para definir esse limite.

    A universidade tem um papel central nesse debate de democratização, não somente da terra, mas da própria produção de conhecimento, tendo uma função social a cumprir que se coloca cada vez mais distante uma vez que dentro de cada conselho institucional há uma disparidade muito grande nas definições acadêmicas, políticas e administrativas da universidade.

    Assim como 50% do território nacional está concentrado em menos de 1% da população, 70% do poder de decisão dentro das universidades estão concentrada nas mãos dos/das professores/as. A disputa programática se reflete de forma desigual. Pautamos uma representação paritária entre discentes, docentes, funcionários e comunidade acadêmica.

    O DCE da UFRN, em conjunto com diversos movimentos sociais, convida a todos/as para um grande ato público que acontecerá quarta-feira por todo o campus da UFRN. O ato será uma caminhada em defesa da democratização nas universidades e também em prol do plebiscito pelo limite do tamanho da propriedade da terra no Brasil.


    A concentração do ato será às 9h na praça CIVICA
    Democratização da terra e das universidades DESSA LUTA NÃO ME RETIRO!


    Programação

    Criminalização dos Movimentos Sociais

    Segunda-feira 26/07 15h as 18h

    Local: Auditório do DCE, Setor I



    História da luta e dos movimentos sociais

    Terça-feira 27/07, das 15h às 18h

    Local: Auditório do DCE, Setor I



    Democratização da terra e do conhecimento

    Quarta-feira 28/07,das 9h às 12h:

    Ato Público da Democratização da Terra e do Conhecimento

    Local: Concentração na praça cívica do Campus



    Mesa de debate com os movimentos sociais

    Local: Auditório do DCE, Setor I

    Das 13h às 15h:



    Democratização das Universidades

    Quinta-feira 29/07, das 15h às 18h:

    Local: Auditório do DCE, Setor I



    Feminismo e Negritude

    Sexta-feira 30/07, das 15h às 18h

    Oficina contra a legalização da prostituição

    Local: Auditório do DCE, Setor I



    sexta-feira, 23 de julho de 2010

    Recepção dos calouros 2010.2

    UFRN prepara recepção aos novos alunos de 2010.2


    Com a participação do Magnífico Reitor, professores e alunos, a Universidade Federal do Rio Grande do Norte promove de 9 a 12 de agosto a edição 2010.2 de recepção aos novos alunos que ingressam na universidade no segundo semestre.

    As comemorações têm início na segunda-feira (9), com uma grande festa no Anfiteatro da Praça Cívica do Campus, a partir das 16 horas. O forró pé-de-serra da banda Galera Forrozeira abre a noite com um repertório que apresenta Luiz Gonzaga, Elino Julião e composições autorais. Em seguida, acontece a tradicional saudação do Reitor, Prof. José Ivonildo do Rêgo, que marca o início das aulas de mais um semestre letivo. Nesse momento de apresentação estarão, também saudando os novos ingressantes, o Diretório Central dos Estudantes – DCE José Silton Pinheiro – junto ao Circuito Universitário de Cultura e Arte, o Cuca Natal.

    "Desencontro Natalense de Escritores" - CRÔNICA

    É incrível o que pode ser feito em um empenhado desgoverno municipal. Mas as pessoas seguem acreditando que um dia os políticos podem fazer diferente e votam neles depositando todas as esperanças nas roletas eleitorais. Mas, como críticas enfurecidas normalmente não são ouvidas, o melhor é tirar onda e satirizar à vontade até que percebamos tudo tão ridículo (quão realmente as coisas são) que paremos para pensar e agir por nós mesmos. 


    Nos deleitemos então com a crônica de Patrício Jr., da editora potiguar Jovens Escribas, sobre a majestosa  política pública de descultura em nossa cidade, chamada "Desencontro Natalense de Escritores".


    Postado por Alê
    Espaço de Participação em Comunicação
    do DCE-UFRN - EPC-DCE

    Prefeitura do Natal dá mais um colete nos artistas potiguares

    Matéria publicada na Revista Catorze em 17 de Julho
     

    Calote no XIII Salão de Artes Visuais


    Os 15 artistas selecionados para o XIII Salão de Artes Visuais ainda não receberam o valor de R$ 1350,00  referente à premiação do evento. A quantia deveria ter sido paga no dia 30 de abril deste ano, mas a prefeitura não efetuou o depósito na conta de nenhum dos selecionados. De acordo com a artista plástica Sayonara Pinheiro a Fundação Capitania das Artes (Funacarte) sequer procurou esclarecer os motivos da falta de pagamento.
    .

    quinta-feira, 22 de julho de 2010

    Em reunião, presidente também institucionaliza o Pnaes

    Repasse este ano para a assistência estudantil é de R$ 300 milhões

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, durante reunião com reitores das universidades federais do país, que aconteceu ontem (19) em Brasília, assinou um terceiro decreto que institucionaliza o Programa Nacional de Assistência Estudantil – Pnaes.

    Por meio do Pnaes, o governo repassa dinheiro às universidades federais para auxiliar estudantes com despesas como moradia, alimentação e transporte. O orçamento do programa para este ano é de R$ 300 milhões.

    O Pnaes apóia a permanência de estudantes de baixa renda matriculados em cursos de graduação presencial das instituições federais de ensino superior (Ifes). O objetivo é viabilizar a igualdade de oportunidades entre todos os estudantes e contribuir para a melhoria do desempenho acadêmico, a partir de medidas que buscam combater situações de repetência e evasão.

    O Programa oferece assistência à moradia estudantil, alimentação, transporte, à saúde, inclusão digital, cultura, esporte, creche e apoio pedagógico. As ações são executadas pela própria instituição de ensino, que deve acompanhar e avaliar o desenvolvimento do programa.

    Os critérios de seleção dos estudantes levam em conta o perfil socioeconômico dos alunos, além de critérios estabelecidos de acordo com a realidade de cada instituição.

    Fonte: ACS-UFGD com informações do MEC

    DCE na SBPC - Da luta não me retiro



    Função social do conhecimento e da produção:
    Pra que e a quem serve?

            Como metodologia, teremos todos os dias à tarde (das 15h às 18h) uma mesa de debate (durante 2hs) seguida de uma roda de experiências (durante 1h). Além disso, todos os dias teremos um stand do DCE onde vários materiais sobre os temas serão expostos.

        Na quarta-feira, dia 28, haverá nosso ato público com os temas centrais “Democratização das Universidades”, “Criminalização dos movimentos sociais” e “50% do pré-sal para educação”.

    Lembrando também que todos os dias teremos nosso bar na SBPC Cultural.

    A programação de cada dia  a seguir:


    Segunda-feira, das 15h às 18h:
    Criminalização dos Movimentos Sociais 
    Local: Auditório do DCE, Setor I

    Terça-feira, das 15h às 18h:
    História da luta e dos movimentos sociais 
    Local: Auditório do DCE, Setor I

    Quarta-feira, das 9h às 12h:
    Limite da propriedade da terra 
    Local: Auditório do DCE, Setor I

    Das 13h às 14h:
    Concentração do Ato Público (Reitoria)
    Das 14h às 18h:
    Ato Público

    Quinta-feira, das 15h às 18h:
    Democratização das Universidades 
    Local: Auditório do DCE, Setor I

    Sexta-feira, das 15h às 18h:
    Feminismo e Negritude 
    Local: Auditório do DCE, Setor I

    domingo, 18 de julho de 2010

    Cientistas fazem carta pró-maconha na FSP




    Um grupo de neurocientistas que estão entre os mais renomados do país escreveu uma carta pública para defender a liberalização da maconha não só para uso medicinal, mas para “consumo próprio”. A motivação do documento foi a prisão do músico Pedro Caetano,
    baixista da banda de reggae Ponto de Equilíbrio, que ganhou repercussão na internet. Ele está preso desde o dia 1º sob acusação de
    tráfico por cultivar dez pés de maconha e oito mudas da planta em casa, em Niterói (RJ). Segundo o advogado do músico, ele planta a erva para consumo próprio.

    Os cientistas falam em nome da SBNeC (Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento), que representa 1.500 pesquisadores. De acordo com os membros da sociedade, existe conhecimento científico suficiente para, pelo menos, a liberalização do uso medicinal da
    maconha no Brasil. Veja a íntegra da carta:

    “A planta Cannabis sativa, popularmente conhecida como maconha, é utilizada de forma recreativa, religiosa e medicinal há séculos mas só há poucos anos a ciência começou a explicar seus mecanismos de ação. Na década de 1990, pesquisadores identificaram receptores capazes de responder ao tetrahidrocanabinol (THC), princípio ativo da maconha, na superfície das células do cérebro. Essa descoberta revelou que substâncias muito semelhantes existem naturalmente em nosso organismo, permitiu avaliar em detalhes seus efeitos terapêuticos e abriu perspectivas para o tratamento da obesidade, esclerose múltipla, doença de Parkinson, ansiedade, depressão, dor crônica, alcoolismo, epilepsia, dependência de nicotina etc. A importância dos canabinóides para a sobrevivência de células-tronco foi descrita recentemente pela equipe de um dos signatários, sugerindo sua utilização também em terapia celular.

    Em virtude dos avanços da ciência que descrevem os efeitos da maconha no corpo humano e o entendimento de que a política proibicionista é mais deletéria que o consumo da substância, vários países alteraram, ou estão revendo, suas legislações no sentido de liberar o uso medicinal e recreativo da maconha. Em época de desfecho da Copa do Mundo, é oportuno mencionar que os dois países finalistas, Espanha e Holanda, permitem em seus territórios o consumo e cultivo da maconha para uso próprio.

    Ainda que sem realizar uma descriminalização franca do uso e do cultivo, como nestes países, o Brasil, através do artigo 28 da lei
    11.343 de 2006, veta a prisão pelo cultivo de maconha para consumo pessoal, e impõe apenas sanções de caráter socializante e educativo. Infelizmente interpretações variadas sobre esta lei ainda existem. Um exemplo disto está no equívoco da prisão do músico Pedro Caetano, integrante da banda carioca Ponto de Equilíbrio. Pedro está há uma semana numa cela comum acusado de tráfico de drogas. O enquadramento incorreto como traficante impede a obtenção de um habeas corpus para que o músico possa responder ao processo em liberdade. A discussão ampla do tema é necessária e urgente para evitar a prisão daqueles usuários que, ao cultivarem a maconha para uso próprio, optam por não mais alimentar o poderio dos traficantes de drogas. A Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento (SBNeC) irá contribuir na discussão deste tema ainda desconhecido da população brasileira. Em seu congresso, em setembro próximo, um painel de discussões a respeito da influência da maconha sobre a aprendizagem e memória e também sobre as políticas públicas para os usuários será realizado sob o ponto de vista da neurociência. É preciso rapidamente encontrar um novo ponto de equilíbrio.”

    Cecília Hedin-Pereira (UFRJ, diretora da SBNeC)
    João Menezes (UFRJ)
    Stevens Rehen (UFRJ, diretor da SBNeC)
    Sidarta Ribeiro (UFRN, diretor da SBNeC)

    sexta-feira, 16 de julho de 2010

    BOLSA- ATLETA – INSCRIÇÕES ABERTAS



    Até o dia 14 de agosto, todos os esportistas aptos a receber a Bolsa-Atleta, do Ministério do Esporte, poderão fazer as inscrições. O benefício garante uma verba mensal para custear os treinamentos e as participações em campeonatos nacionais ou internacionais. A Bolsa-Atleta atende aos esportistas em quatro categorias: estudantil, nacional, internacional, olímpica e paraolímpica.

    Para a inscrição na Categoria Estudantil, é exigido ter 12 anos completos, estar matriculado em instituição de ensino pública ou privada, ter alcançado o 1º, 2º ou 3º lugar nas olimpíadas escolares ou nas olimpíadas universitárias (jogos organizados pelo Ministério do Esporte com a parceria do COB) em esportes individuais ou estar entre os 24 melhores atletas selecionados nos esportes coletivos durante o ano de 2009. O mesmo se aplica aos três primeiros classificados nos campeonatos paraolímpico escolar e universitário brasileiros.]

    Para concorrer ao benefício na categoria nacional, é necessário ter 14 anos completos, estar vinculado a uma entidade de prática desportiva (clube), ter filiação à entidade de administração de sua modalidade, tanto estadual (federação) como nacional (confederação), ter participado de competição em 2009 tendo obtido a seguinte classificação: de 1º a 3º lugar no evento máximo nacional organizado pela entidade nacional de administração de sua modalidade, ou de 1º a 3º lugar no ranking nacional por ela organizado.

    A inscrição na categoria internacional é permitida para quem tem 14 anos completos, está vinculado a uma entidade de prática desportiva (clube), tem filiação à entidade de administração de sua modalidade, tanto estadual (federação) como nacional (confederação), tenha participado de competição em 2009 tendo obtido a seguinte classificação: de 1º a 3º lugar em campeonatos mundiais de sua modalidade; jogos ou campeonatos pan-americanos e parapan-americanos, ou jogos ou campeonatos sul-americanos.

    Já para a inscrição na categoria olímpica e paraolímpica, é necessário ter 14 anos completos, estar vinculado a uma entidade de prática desportiva (clube), ter filiação à entidade de administração de sua modalidade, tanto em nível estadual (federação) como nacional (confederação), ter integrado na qualidade de atleta a delegação brasileira na última edição dos Jogos Olímpicos ou Paraolímpicos e outros critérios fixados pelo Ministério do Esporte.

    Fonte: Caixa

    quarta-feira, 14 de julho de 2010

    Uma mulher é morta a cada duas horas no Brasil

    Uma mulher é assassinada a cada duas horas no Brasil, deixando o país em 12 no ranking mundial de homicídios de mulheres. A maioria das vítimas é morta por parentes, maridos, namorados, ex-companheiros ou homens que foram rejeitados por elas. Segundo o Mapa da Violência 2010, do Instituto Sangari, 40% dessas mulheres têm entre 18 e 30 anos, a mesma faixa de idade de Eliza Samudio, 25 anos, que teria sido morta a mando do goleiro Bruno. Dados do Disque-Denúncia, do governo federal, mostram que a violência ocorre na frente dos filhos: 68% assistem às agressões e 15% sofrem violência com as mães, fisicamente, revela reportagem de Tatiana Farah na edição deste domingo do jornal O GLOBO.

    sexta-feira, 9 de julho de 2010

    Filhos de Baco

    Após dois meses de recesso a Sociedade dos Filhos de Baco* volta a sua atuação, "voltaremos a nos encontrar e prosseguir com nossas discussões agradabilíssimas sobre literatura, arte, cinema e saraus." Como de costume, os encontros têm temas definidos. O primeiro momento é caracterizado pela exposicão do tema e debate, e no segundo momento o sarau. Todo o encontro é regado a vinho, a bebida é trazida pelos participantes.

    terça-feira, 6 de julho de 2010

    Do lixo ao luxo

    Até 31 deste mês a UFRN recebe a exposição de Bricolagem Fashion promovida pelos artistas plásticos Orlando Oliveira e Saymon Betwel. A exposição, que usa o lixo como forma de arte, está na reitoria do Campus, no Departamento Pessoal, com visitação de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h.

    sexta-feira, 2 de julho de 2010

    Estudantes convocados!

    O DCE José Silton Pinheiro convoca a todos e todas, estudantes, para somar e opinar na Reunião de Discussão e Planejamento da gestão 2010/2011 - Da luta não me retiro! A participação do corpo discente é muito importante nesse momento para o conhecimento, e possível intervenção, das propostas que a atual gestão irá dá diretrizes a partir desta reunião.

    aLÔ

    O Diretório Central Estudantil informa:

    Por ocasião do período de férias funcionaremos a partir do dia 05 de julho até 06 de agosto das 9hrs as 17hrs. ATENÇÃO: Em dia de jogo do Brasil não funcionaremos apenas no horário do jogo.

    Atenciosamente,
    A Direção.

    quinta-feira, 1 de julho de 2010

    Internet Oficial

    A internet está prestes a se tornar um veículo oficial de comunicação dos três poderes da república brasileira. É o que prevê o Projeto de Lei (PL) do senador Demóstenes Torres, do partido dos Democratas de Goiás, que será votado em breve pela Comissão de Ciência e Tecnologia (CCT) do Senado. A proposta já foi aprovada pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). Após a aprovação pela CCT, na qual receberá decisão terminativa, a matéria será enviada para exame da Câmara dos Deputados.